Cuervo

Cuervo

– Cara, por que você não bebe?

– Não gosto.

– Mas você já provou?

– Sim, quase tudo. Não gosto do sabor mesmo de coisas que têm álcool.

– Ah, é só você beber com frequência que acostuma.

– Se você começar a dar o cu também se acostuma.

– Sim, por isso comecei há cinco anos.

O silêncio foi o que restou na mesa do bar…

Daniel Furlan

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *