De mudança

De mudança

Foram tantas mudanças que perdeu a conta. Mudanças de escola: a cada ano letivo novos amigos e novas solidões. Mudanças de casa: quarto diferente, paredes diferentes, cheiros diferentes, memórias diferentes. Mudanças de emprego: horários diversos, projetos diversos, estresses e conquistas diversos. Mudanças de cidade: outras paisagens e cores, outras pessoas e sotaques, ruídos e silêncios outros. Mudanças de aparência: pêlos mais ralos, cabelos mais brancos, pele com mais marcas. Mudanças de humor: ritmo menos acelerado, compulsões menos pronunciadas, angústias menos obsessivas.

Só nunca mudou de amor.

Táscia Souza

One Response »

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *