Category Archives: Hupokhondriakós

Conselho de mãe

Conselho de mãe

Não vá fazer bobagem, menino! – foi a última coisa que ouviu a mãe dizer.

Foi a última coisa que ouviu a mãe dizer quando saiu pra brincar na rua com os vizinhos.

Foi a última coisa que ouviu a mãe dizer quando entrou na prova do vestibular.

Foi a última coisa que ouviu a mãe dizer quando viajou pro intercâmbio.

Foi a última coisa que ouviu a mãe dizer quando foi contratado.

Foi a última coisa que ouviu a mãe dizer quando se casou.

Foi a última coisa que ouviu a mãe dizer quando trocou de emprego.

Foi a última coisa que ouviu a mãe dizer quando entregou a ele os remédios para a eutanásia.

Gustavo Burla

Legítima defesa

Legítima defesa

Ele era engenheiro. O que significava que tivera aulas de cálculo o suficiente para saber determinar a trajetória parabólica de um projétil lançado da beira de um penhasco sobre um terreno plano e horizontal, contanto que lhe informassem as dezenas de metros percorridos pelo projétil desde o instante de seu lançamento e a altura máxima acima do terreno atingida por ele.

O outro dado necessário para a operação — em qual distância acima do topo do despenhadeiro estava o projétil quando foi lançado — ele tinha: um metro e oito centímetros, exatamente a altura dos braços do filho mais novo ligeiramente elevados na direção dos ombros e colocados diante dos olhos, a segurar a escopeta que o pai fazia questão de manter. Dizia: pra gente se defender.

O filho se defendeu. Dele.

Táscia Souza

 

Trabalho de editor

Trabalho de editor

O escritor e filósofo sueco Lars Gustafsson, de 79 anos, morreu de madrugada, após uma breve doença, acompanhado da mulher e da filha mais nova.

— Ambíguo!

O escritor e filósofo sueco Lars Gustafsson, de 79 anos, morreu de madrugada, após uma breve doença, vigiado pela mulher e pela filha mais nova.

— Omissão?

O escritor e filósofo sueco Lars Gustafsson, de 79 anos, morreu de madrugada, após uma breve doença tratada pela mulher e pela filha mais nova.

— Médicas?

Após uma breve doença, escritor e filósofo sueco Lars Gustafsson, de 79 anos, morreu de madrugada, tratada pela mulher e pela filha mais nova.

— Prioridade!

O escritor e filósofo sueco Lars Gustafsson, de 79 anos, morreu de madrugada, depois de ficar doente.

— A família?

— Passa bem, porra!

Gustavo Burla